Mundos em Conflito: a trilogia

Nier by wlop
Após concluir, editar e publicar de forma semi-independete A Guerra dos Criativos, veio a ideia de uma continuação direta das aventuras apresentadas no romance. E serviria de ponte para diversas outras histórias, com personagens, mundos e conceitos em constante movimento, encontrando-se conforme a trama principal avançasse.

O primeiro volume, Colisão, foi lançado em setembro de 2014, sendo imediatamente pirateado na semana de estreia. A maior decepção foi que o deixei gratuito por cinco dias inteiros, mas preferiram piratear e não obtive um número expresivo de downloads nem houve a mesma recepção que o romance que o inspirou.

Com isso, a sequência, Danação, ficou em segundo plano, pois cada volume demora em torno de dois anos para ser concluído e é desanimador dedicar tanto tempo a algo que não obtevesse um mínimo retorno. Quando meu antigo notebook pifou, perdi quase 30 páginas do rascunho e quase desisti de continuar a série.

Durante este longo hiato, pensei e repensei muito acerca dos quatro volumes (Danação, Efusão, Filiação e Geração) que ainda precisavam ser escritos. Todos eles possuíam estruturas definidas, com o plot espalhado pelos volumes. Possuíam.

Após um ano turbulento, com mudanças em minha carreira e vida pessoal, decidi abolir quase metade do roteiro original, limitando o projeto em três volumes (Colisão, Danação e Efusão). Com isso em mente, alterarei destinos de personagens, abreviarei os encontros de elementos de outras histórias, a jornada do protagonista será mais objetiva.

A previsão de lançamento de Danação é, por ora, segundo semestre de 2018, quase quatro anos após o primeiro volume vir ao mundo. A demora será por conta de outra trilogia, Camile e os Deuses de Mil Credos, cujo primeiro volume, Apóstolos de Pedra, encontra-se em fase de escrita, além de outros projetos os quais estou já comprometido ao longo de 2017.